Rafael Ribeiro/Vasco
Rafael Ribeiro/Vasco

Vasco faz confronto direto contra o Bahia disposto a se distanciar da degola

Comandados de Vanderlei Luxemburgo ocupam a 14ª colocação, a apenas um ponto de distância do Z-4

Redação, Estadão Conteúdo

31 de janeiro de 2021 | 12h54

O Vasco não tem paz neste Brasileirão. Somou quatro pontos nos últimos dois jogos e parecia respirar na luta para se distanciar da zona de rebaixamento. Mas, se fez seu papel, viu os outros ameaçados de queda também subirem e ficou só um ponto acima da faixa de risco. Neste domingo, às 16 horas, em São Januário, realiza confronto direto com o Bahia e a ordem e ganhar e se distanciar da degola.

Desde a chegada de Vanderlei Luxemburgo, o Vasco vem tendo resultados positivos. Melhorou o desempenho e a confiança. A ponto de o treinador garantir aos torcedores que o time não vai cair. Seria o quarto rebaixamento, algo que não passa na cabeça de ninguém no clube.

Com a melhora no campo, o Vasco foi aos 36 pontos, um a mais que o Bahia e, com uma vitória neste domingo, deixaria um concorrente para trás e teria a possibilidade de abrir quatro pontos da faixa de perigo. Desde que Fortaleza ou Sport, os outros times com 35, sejam batidos.

A confiança é grande no Vasco justamente pelo belo retorno do argentino Benítez, recuperado de lesão e com empréstimo renovado até o meio do ano. O meia de 26 anos faz o time carioca jogar bola. Com técnica apurada e ótimo entrosamento com o compatriota Cano, foi vital na soma dos últimos quatro pontos.

Benítez deu bela assistência para Cano no triunfo diante do Atlético-MG e fez o gol de empate diante do Palmeiras com cobrança precisa de falta. Espera completar a trinca de belos jogos diante do Bahia.

Estudioso, Luxemburgo garante ter todos os pontos fortes e fracos do adversário prontos para passar a seus atletas. "Assisti Sport x Bahia e Bahia x Corinthians. É um jogo importante para nós e temos de nos preparar bem para ele. Não viemos por lazer, foi para trabalhar mesmo. Não vamos ganhar campeonato, mas é uma decisão da parte debaixo da tabela", avaliou o treinador.

Luxemburgo não tem problemas de escalação e deve utilizar sua força máxima para evitar uma surpresa dos baianos em São Januário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.