Vasco ganha do Brasiliense no tapetão

Depois de dois empates em campo, o Vasco obteve hoje a primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Foi fora de campo e de goleada. Por 7 votos a 1, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) impugnou o jogo entre a equipe carioca e o Brasiliense, disputado em 24 de abril, no Distrito Federal, e declarou o Vasco vencedor do confronto, por 1 a 0. O placar da partida (2 a 2) está desconsiderado, assim como os autores dos gols. O Brasiliense foi punido por ter descumprido decisão da justiça esportiva ao cobrar ingressos para o confronto com o Vasco. Na próxima semana, o clube do Distrito Federal será julgado por uma comissão disciplinar do STJD, com base em representação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Está incurso nos Artigos 197 e 231 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBDJ). Se for condenado com base no 231 será excluído da competição e rebaixado para a Série B. A hipótese, no entanto, perdeu força. O presidente do STJD, Luiz Zveiter, deixou a entender que o Brasiliense deve ser apenado somente com multa no outro julgamento. O Vasco subiu da 13ª para a 11ª posição no campeonato. Enquanto o Brasiliense caiu da 14ª para a 18ª. O advogado do clube do Distrito Federal, Carlos Portinho, deixou o tribunal contrariado. Ele disse que o Brasiliense cumpriu determinação da Justiça comum, ao vender bilhetes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.