Vasco não aceitar vender Alex Dias

Numa reunião tensa, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, disse "não" a três empresários ligados ao futebol europeu que foram a São Januário dispostos a contratar o atacante Alex Dias. Como a oferta não foi superior a R$ 7 milhões, o dirigente não chegou a nenhum acordo. Pesou também a vontade de Alex Dias de permanecer no clube. Os empresários gostariam de levá-lo para a Segunda Divisão do futebol francês. A reunião durou três horas e meia. "Eu só os recebi por fidalguia. Eu não levei três minutos para dizer não. Não havia interesse do Vasco nem do atleta. Se vier outra proposta, não aceito também. É definitivo. O Alex não sai", garantiu Eurico Miranda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.