Vasco pode sair dessa situação, afirma Renato Gaúcho

Um ano e meio depois de trocar o Vasco pelo Fluminense, o técnico Renato Gaúcho foi apresentado nesta sexta-feira, em São Januário, tentando motivar o time, que está na zona de rebaixamento do Brasileirão."Disse para eles (a equipe) que na vida o jogador fica marcado por duas coisas: títulos ou rebaixamento. E disse também que essa palavra (rebaixamento) eu não quero mais ouvir aqui dentro. Conheço os jogadores, trabalhei com a maioria deles, e sei que podemos sair dessa situação", declarou Renato, que já vai comandar o time no domingo.Desempregado havia 40 dias, Renato planejava tirar férias até dezembro. Mas a conversa com o presidente Roberto Dinamite, na tarde de quinta-feira, mudou sua posição. "Quando Roberto me disse que eu era a pessoa ideal para dirigir o Vasco, não tive como recusar o convite".Para o treinador, a experiência adquirida desde que assumiu o Vasco em 2005 pode ajudar a equipe. "A vida é feita de desafios. O que tenho de fazer é dar força e confiança aos jogadores. Vale lembrar que estou mais experiente. Nestes três anos aprendi muita coisa".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.