Marcelo Sadio/Divulgação
Marcelo Sadio/Divulgação

Vasco reforça parte tática e bola parada para clássico com Fla

Jogadores treinam cobranças de pênalti para o jogo deste domingo

Estadão Conteúdo

21 Março 2015 | 15h33

O Vasco realizou na manhã deste sábado, em São Januário, o último treino antes do clássico deste domingo contra o Flamengo, que acontece a partir das 18h30. Os jogadores fizeram uma leve atividade física e depois seguiram para o centro do gramado para um bate-papo com o treinador Doriva. Os atletas trabalharam intensamente a parte tática neste sábado. Além do intenso coletivo, o elenco fez também treinamentos de bola parada, incluindo cobranças de pênalti. O time escalado foi quase o mesmo que iniciou o último jogo contra o Nova Iguaçu. A única ausência foi a de Luan, que faz tratamento intensivo para se recuperar de dores musculares.

A equipe titular de Doriva foi composta por: Martín Silva, Madson, Rodrigo, Anderson Salles e Christianno; Guiñazu, Serginho, Júlio dos Santos e Jhon Cley; Dagoberto e Gilberto. Estes atletas

O duelo com o Flamengo marca a estreia neste clássico de um dos destaques da equipe nesta temporada, o lateral-direito Madson. Durante entrevista coletiva, o camisa 2 revelou a preparação da equipe para manter a liderança.

"A expectativa de todos é a melhor possível. Esperamos fazer um bom clássico. É um jogo diferente, por isso temos que ter equilíbrio. Trabalhamos forte nesta semana", declarou o lateral. "O Doriva nos passou informações sobre a equipe deles e iremos explorá-las. Buscaremos fazer um bom jogo e manter a liderança", concluiu.

Com a boa fase na lateral vascaína, o jovem de 23 anos acredita que o Vasco chega para o clássico mais do que preparado. Brilhar em sua estreia no duelo é um dos objetivos de Madson, que pediu atenção aos companheiros nos primeiros minutos do duelo.

"Tem que entrar em campo 100% ligado. Não podemos vacilar. Temos vários jogadores experientes e todos sabem o que deve ser feito", alertou o atleta. "Para os mais jovens do elenco, como eu, esse clássico será um teste. Esse é o segundo clássico que disputo aqui no Rio. Espero estar num dia iluminado e ajudar o Vasco a conquistar os três pontos", completou.

Mais conteúdo sobre:
futebol Campeonato Carioca Vasco Flamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.