Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Vasco renova com Yago Pikachu por 3 temporadas e contrata o lateral-direito Lenon

Lateral-direito de ofício, Pikachu, de 26 anos, tem atuado no meio de campo e já fez cinco gols em 12 rodadas do Brasileiro

Estadão Conteúdo

28 Junho 2018 | 22h42

O Vasco assinou nesta quinta-feira a renovação do contrato de Yago Pikachu por mais três temporadas. O acordo foi concretizado no CT das Vargens, em Vargem Pequena, no Rio de Janeiro. O clube cruzmaltino também anunciou a contratação do lateral-direito Lenon, junto ao Guarani.

+ Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

Yago Pikachu é um dos destaques do Vasco em 2018. É lateral-direito de ofício, mas tem atuado no meio de campo e chegado bem à frente. Nessa função, o paraense de 26 anos já fez cinco gols em 12 rodadas do Campeonato Brasileiro. O atleta está no clube carioca desde 2016, quando foi adquirido junto ao Paysandu.

Já disputou 121 jogos com a camisa vascaína e fez 22 gols. "Tornou-se o lateral-direito que mais balançou as redes pelo Vasco da Gama no século 21", ressaltou o clube em seu site oficial.

Outra movimentação importante dos bastidores da equipe carioca nesta quinta-feira foi a contratação do lateral-direito Lenon, campeão paulista da Série A2 neste ano pelo Guarani. Natural do Rio de Janeiro, o atleta de 28 anos vinha treinando desde a última segunda com o grupo cruzmaltino, mas apenas agora teve a sua situação regularizada.

"É um prazer estar aqui hoje. Estou contente com essa oportunidade de defender um clube da grandeza do Vasco. É um grande chance dentro da minha carreira e me sinto bastante feliz. Conheço o clube, a história e o que significa vestir essa camisa. Fui muito bem recebido por todos no grupo e vou procurar trabalhar bastante para conquistarmos juntos os nossos objetivos", afirmou Lenon, que já passou pelo Flamengo, Duque de Caxias, Macaé e Cabofriense.

"A mensagem que deixo para o torcedor vascaíno é que vestir essa camisa é um grande prazer. Eu aceitei esse desafio porque tenho a ambição de fazer história com a camisa do clube, assim como fiz lá no Guarani", concluiu o ala.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.