Marcelo Sadio/ Divulgação
Marcelo Sadio/ Divulgação

Vasco se reapresenta triste após esposa de Luan perder bebê

No domingo, zagueiro comemorou gol da vitória no clássico homenageando a criança; companheiro estava grávida de 2 meses

Estadão Conteúdo

24 de fevereiro de 2015 | 19h45

O clima de descontração e alegria em São Januário após a vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, no domingo, deu lugar à tristeza durante esta terça-feira por causa da notícia de que o zagueiro Luan, autor do gol da vitória, havia perdido o filho que homenageara na comemoração do lance.

Grávida de dois meses, sua mulher passou mal ainda no domingo e perdeu o bebê. Como o Vasco folgou na segunda-feira, a reapresentação do elenco nesta terça mostrou um grupo preocupado e solidário com Luan.

No domingo, o atleta chupou o dedo e pôs a bola na barriga, sob a camisa, a fim de anunciar a gravidez da mulher. Na oportunidade, explicou porque bateu o pênalti que deu os três pontos ao Vasco, pela sexta rodada do Carioca. "Eu queria bater o pênalti para fazer um gol e dedicá-lo ao meu filho. Não sabemos ainda se vai ser menino ou menina, mas minha família está muito feliz."

Nesta terça, ele recebeu o apoio dos amigos. "O Luan vai superar isso; nós estamos a seu lado para ajuda-lo", disse o zagueiro Rodrigo. O diretor executivo de Futebol, Paulo Angioni, lembrou que Luan é muito religioso e que isso vai acelerar o processo de recuperação do jogador. "Está triste, era seu primeiro filho. Mas vai saber lidar com a situação."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoCampeonato Carioca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.