Vasco tenta abafar a crise para fugir da lanterna do Brasileirão

Time pega o Goiás nesta quarta-feira, querendo acabar com um jejum de nove partidas sem vencer fora de casa

AE, Agencia Estado

22 de outubro de 2008 | 07h49

Em meio a um clima turbulento, com troca de ameaças e acusações entre o presidente Roberto Dinamite e seu antecessor, Eurico Miranda, o Vasco entra em campo nesta quarta-feira, às 22 horas, para enfrentar o Goiás, no Serra Dourada, precisando acabar com um jejum de nove partidas sem ganhar fora de casa para deixar a lanterna do Campeonato Brasileiro e buscar uma luz no fim do túnel.Veja também: São Paulo deverá pagar R$ 500 mil ao VascoGoiás tenta voltar a vencer diante do Vasco Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão A principal novidade para o jogo será o retorno do atacante Edmundo, que cumpriu dois jogos de suspensão e deve tomar a vaga de Alan Kardec para formar dupla de ataque com Alex Teixeira. Leandro Amaral continua de fora por causa de uma contusão no tornozelo esquerdo, a mesma que o afastou da derrota para o Flamengo por 1 a 0, no domingo.Quem também pode aparecer é o lateral-direito Wagner Diniz, que entraria no lugar de Baiano e voltaria ao time titular depois de um longo período contundido - ele atuou alguns minutos no segundo tempo do clássico contra o Flamengo, no último domingo.No meio, Pedrinho pode entrar no lugar de Mateus para tornar a equipe mais ofensiva, mas Renato fez mistério no treino de terça-feira, no campo do Atlético Goianiense, e disse que não vai relevar o time antes de chegar ao estádio. "Não dou armas ao adversário", declarou.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.