Vasco tenta acordo com Edmundo

A situação do atacante Edmundo, do Vasco, continua sem solução. Enquanto o jogador diz que não vai mais atuar pelo clube em 2004, os dirigentes procuram a melhor solução para o pagamento da dívida com o atleta. O Vasco deve cerca de seis meses de salários, segundo Edmundo. Já o presidente Eurico Miranda alega que o valor é menor. A crise é tão grande que o atacante fala até em aposentadoria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.