Vasco tenta melhorar desempenho como visitante no Nacional

Com só uma vitória em 6 jogos fora de casa, time carioca enfrenta o Palmeiras no Palestra Itália

24 de julho de 2007 | 22h14

O Vasco venceu as cinco partidas que disputou em São Januário no Campeonato Brasileiro deste ano. Fora de casa, no entanto, só ganhou uma vez, contra o América-RN, em Natal. Para poder brigar pelo título, o time carioca tenta ser um melhor visitante, a partir desta quarta-feira, quando enfrentará o Palmeiras, às 21h45, no Palestra Itália, em São Paulo."O Vasco não encontrou o equilíbrio fora de casa. Por isso, não está da forma que eu quero. Em São Januário, o retrospecto é excelente [não perde há 17 partidas]", disse o técnico Celso Roth, que manterá o ataque vascaíno com Martín Garcia e Leandro Amaral. O Vasco só superou o Palmeiras uma vez, na história do Campeonato Brasileiro, no Palestra Itália. Foi em 1992, com dois gols do atacante Bebeto na vitória por 2 a 1. Por isso, a dificuldade só aumentar no jogo desta quarta-feira.Para Celso Roth, que já trabalhou no Palmeiras, a partida desta quarta-feira será marcada pelo equilíbrio, com muita marcação e contato físico. Em sua opinião, as duas equipes apresentam o mesmo nível técnico. Ele só exigiu cuidado especial de seus defensores com o atacante Edmundo, ídolo da torcida palmeirense e vascaína.Machucado no joelho esquerdo, o zagueiro Dudar vai desfalcar a equipe por até três semanas. Ele será operado nesta semana. Com isso, Vilson ganha a chance no time titular.

Tudo o que sabemos sobre:
Vasco-RJBrasileirão Série A

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.