Vasco tenta prorrogar contrato de diretor de futebol

O Vasco basicamente já está em clima de fim de temporada, a programar renovações, pré-temporada e possíveis contratações para 2011. O primeiro passo, porém, é tentar prorrogar o acordo com o atual diretor de futebol, Rodrigo Caetano, cujo contrato expira ao fim deste ano.

AE, Agência Estado

18 de novembro de 2010 | 20h35

Jogadores e torcedores estão em campanha pela permanência do dirigente remunerado, que pode retornar ao Grêmio. O vice-presidente do clube, Luso Soares da Costa, porém, procura relativizar a importância de Caetano. "Gosto muito dele como profissional e como pessoa, mas o Vasco é mais importante do que qualquer nome. O planejamento não depende só de uma pessoa", disse à Rádio Brasil.

Outro que não tem o futuro ainda desenhado é o técnico Paulo Cesar Gusmão. Apesar de ter compromisso assinado até o fim do primeiro semestre do ano que vem, ele pode deixar São Januário ao fim do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.