Vasco vence de virada e lidera no Rio

Beneficiado pela arbitragem, o Vasco venceu o Bangu por 3 a 2, de virada, nesta quinta-feira à noite em São Januário, e assumiu a liderança do segundo turno do Campeonato Carioca. O Vasco tem agora 20 pontos, contra 19 do Americano. O Bangu chegou a estar ganhando por 2 a 0 ao fim do primeiro tempo mas recuou excessivamente e permitiu a reação vascaína. Agora o Vasco terá dois clássicos pela frente: Botafogo e Flamengo.No início da partida, o Vasco era apático, o que aliado à retranca do Bangu, tornava a partida monótona. Juninho Paulista e Romário, principais figuras do time, demonstravam cansaço por terem participado do vexame da Seleção contra o Peru no dia anterior.Se aproveitando de falhas no setor esquerdo da zaga vascaína, ocupada por Odvan, o Bangu chegou ao 2 a 0 em dois lances parecidos. Aos 22, Espíndola recebeu na entrada da área e tocou no contra-pé de Hélton. Aos 37, o mesmo Espíndola repetiu o lance e marcou o segundo.O Vasco, que não tinha tido nenhuma chance real de gol no primeiro tempo, voltou mais ofensivo, com Viola no lugar do volante Henrique. A mudança de Joel deu resultado e o Vasco passou a pressionar o Bangu. Aos 11, o time vascaíno abriu o placar com Romário, aproveitando desatenção da zaga do Bangu. O Vasco tinha dificuldades para virar a partida, até receber a indispensável ajuda do juiz Samir Yarak. Em lançamento para Euller, ele marcou um pênalti que até os torcedores do Vasco pareciam não acreditar. Aos 34, Romário bateu com perfeição e empatou o jogo. Em mais uma falha da zaga do Bangu, o Vasco conseguiu a virada, quando faltava apenas um minuto para acabar o tempo regulamentar: Euller cruzou para Viola completar livre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.