Rafael Ribeiro/Vasco
Rafael Ribeiro/Vasco

Vasco vence Ponte Preta e encerra sequência de derrotas na Série B

Andrey e Caio Lopes marcam um em cada tempo e garantem triunfo cruz-maltino no Rio

Redação, Estadão Conteúdo

29 de agosto de 2021 | 18h32

O Vasco fez as pazes com a vitória e, de quebra, voltou a sonhar com o acesso à elite do Brasileirão com a vitória sobre a Ponte Preta, por 2 a 0, na tarde deste domingo, em São Januário, pela 21ª rodada da Série B.

O resultado positivo, que coloca o Vasco na décima colocação, com 31 pontos, encerra uma sequência de três derrotas. Por outro lado, a Ponte Preta continua sem vencer como visitante e ameaçada pelo rebaixamento, em 15º lugar, com 22 pontos.

O Vasco começou a partida marcando em cima, mas foi a Ponte quem quase fez aos seis minutos. Moisés arriscou de fora da área e Vanderlei se esticou todo para desviar pela linha de fundo. A resposta cruzmaltina veio com Léo Jabá, que aproveitou cruzamento de Marquinhos Gabriel e bateu para defesa de Ivan.

Na sequência, a Ponte criou mais uma boa oportunidade. Marcos Júnior recebeu nas costas da defesa e bateu por cobertura. A bola passou raspando a trave. Cinco minutos depois do susto, o Vasco abriu o placar. Marquinhos Gabriel recebeu de Cano e cruzou. Dentro da pequena área, Andrey só desviou de cabeça.

Em vantagem, o Vasco diminuiu o ritmo e viu a Ponte igualar as ações, mas sem conseguir criar grandes lances. Já no fim do primeiro tempo, André Luiz bateu firme de fora da área e Vanderlei espalmou mais uma vez para escanteio.

Na volta do intervalo, o Vasco quase ampliou aos três minutos. Gabriel Pec tabelou com Zeca na entrada da área e bateu forte para defesa de Ivan. Assim como no primeiro tempo, a Ponte Preta tinha dificuldades para sair da marcação alta do adversário.

Aos nove, Moisés cobrou falta e Vanderlei espalmou. A situação da Ponte ficou mais difícil aos 19 minutos. Caio Lopes arriscou de fora da área, a bola desviou em Cleylton e saiu do alcance de Ivan. Assim como aconteceu no primeiro tempo, o Vasco recuou a marcação após fazer o gol.

Com a Ponte errando muitos passes, a partida foi controlada pelo Vasco. Aos 39 minutos, Vini Locatelli exigiu boa defesa de Vanderlei em chute de fora da área, mas foi só.

Os dois times voltam a campo na próxima sexta-feira, às 19 horas, pela 22ª rodada. Novamente em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), o Vasco enfrenta o Brasil de Pelotas. Já a Ponte Preta recebe o Sampaio Corrêa, no Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

FICHA TÉCNICA

VASCO 2 X 0 PONTE PRETA

VASCO - Vanderlei; Léo Matos, Miranda, Leandro Castan e Zeca; Andrey, Caio Lopes, Marquinhos Gabriel (Galarza) e Gabriel Pec (João Pedro); Léo Jabá (Figueiredo) e Germán Cano (Daniel Amorim). Técnico: Lisca.

PONTE PRETA - Ivan; Felipe Albuquerque (Kevin), Thiago Lopes, Cleylton e Rafael Santos; André Luiz, Marcos Júnior (Locatelli) e Fessin (Lucas Cândido); Moisés, Niltinho (Iago) e Rodrigão (João Veras). Técnico: Gilson Kleina.

GOLS - Andrey, aos 18 minutos do primeiro tempo; Caio Lopes, aos 19 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Heber Roberto Lopes (SC).

CARTÕES AMARELOS - Leandro Castan (Vasco); Cleylton (Ponte Preta).

RENDA E PÚBLICO - Portões fechados

LOCAL - Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.