Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Vasco x Fla: uma decisão no Maracanã

Vasco e Flamengo estão próximos da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, mas nem a má fase na competição foi capaz de desestimular os torcedores, que consideram o clássico deste domingo, às 16 horas, uma decisão. A rivalidade entre ambos é a principal responsável pela promoção do clássico que tem a expectativa de 50 mil torcedores no Maracanã.Para um jogo que já teve público de até 120 mil pessoas, reunir 50 mil com a atual crise dos clubes pode ser considerado uma proeza. A paixão de vascaínos e rubro-negros mais uma vez contribuirá para a manutenção da grandeza do clássico.O técnico do Vasco, Joel Santana, fez mistério quanto a escalação da equipe. A dúvida é quanto a presença de Marco Brito que pode fazer sua estréia no ataque, ao lado de Anderson. Como o jogador está sem atuar há cerca de três meses, o treinador pode optar por escalar o meia Róbson Luis no setor ofensivo, deslocar o lateral Chiquinho para o meio-de-campo, com Diego na lateral-esquerda."Já tenho o time na cabeça, mas preciso pensar e ainda conversar com o restante da comissão técnica. Temos ponderações a fazer", disse Santana. O principal receio do treinador é o de que, a exemplo de Marco Brito, o meia Petkovic retorna ao time, após se recuperar de contusão.Por isso, o temor do técnico é o de que ambos atletas não resistam atuar por 90 minutos e o obrigue a utilizar duas substituições, durante a partida.No Flamengo, o clima está ameno. O técnico Ricardo Gomes se esforçou para manter o ambiente equilibrado, mesmo totalizando apenas 41 pontos, em 36 rodadas - um a menos que o Vasco. Mas, o treinador disse estar preparado para receber críticas caso o time não tenha sucesso ante o rival."Aqui as coisas são assim. Se vencermos estará tudo bem, mas se perdermos aparecerão as críticas, cobranças, crise", destacou Gomes. "O importante é que todos estão tranqüilos. Pensando positivamente e concentrados para o jogo. Vai ser uma guerra, contra um grande adversário."Ambos os treinadores prepararam marcação especial para os craques do time rival. O vascaíno Petkovic e o rubro-negro Felipe serão vigiados durante toda a partida, com o objetivo de impedir que criem as jogadas de suas equipes. Durante a semana, tanto Santana quanto Gomes chegaram a proibir a gravação dos treinos, "para não dar armas ao adversário".

Agencia Estado,

24 de outubro de 2004 | 09h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.