Marcos de Paula/AE
Marcos de Paula/AE

Veja quem, como Fred, já marcou quatro gols numa mesma partida

O jogador do Fluminense marcou os quatro na vitória do seu time sobre o Grêmio por 5 a 4

estadão.com.br

17 de novembro de 2011 | 12h19

SÃO PAULO - Com os quatro gols marcados na vitória do Fluminense sobre o Grêmio por 5 a 4, Fred entrou para a lista dos seletos atacantes que já realizaram a façanha numa mesma partida. É feito para poucos. O jogador precisa estar muito inspirado para balançar as redes quatro vezes. Fred, além de recolocar o Flu na briga pelo título do Brasileirão, ainda garantiu por bom tempo o carinho da torcida das Laranjeiras.

Mas Fred não é o único a se consagrar em 90 minutos. Fernandinho, diante do Monte Azul, no Paulista de 2010, também fez quatro gols na vitória do São Paulo.

Veja a lista de alguns jogadores que já marcaram também quatro gols numa mesma partida:

1. Pelé - Santos 6 x 1 Corinthians - 1958

Pelé já marcou quatro gols numa mesma partida, contra o próprio Corinthians. Em dezembro de 1958, foi dele a marca em vitória santista por 6 a 1.

2. Gustavo Nery - Bolton (Inglaterra) 3 x 6 São Paulo - 2003

Foi numa excursão para a Inglaterra. Gustavo Nery jogou de meia. 

3. Neymar - Brasil 4 x 2 Paraguai - 2011

O atacante santista já era famoso, mas ainda estava nas divisões inferiores do Brasil. No Sul-Americano Sub-20, Neymar fez os quatro diante do Paraguai, sendo um de pênalti.

4. França - São Paulo 7 x 0 Bangu - 2002

Um dos artilheiros da história do São Paulo, França só não fez chover naquela partida da primeira fase do Rio-São Paulo de 2002. Ele era cotado para jogar na seleção que disputaria a Copa na Coreia do Sul e no Japão.

5. Guilherme - Tenerife (Espanha) 1 x 4 São Paulo - 1993

Foi na sua estreia pelo São Paulo, em jogo válido pelo torneio Santiago de Compostela. Guilherme mostrou seu faro de gol logo de cara, mas nunca mais repetiu a façanha.

6. Serginho Chulapa - São Paulo 4 x 0 Ferroviário - 1982

Chulapa fez história e muitos gols pelo Tricolor do Morumbi. É o maior artilheiro do clube, com 242 gols. Neste dia, antes da Copa da Espanha, da qual participou, Serginho deitou e rolou.

7. Gino Orlando - São Paulo 6 x 2 Ponte Preta - 1957

Era o Paulistão de 57. O São Paulo acabaria campeão estadual. Gino marcou 232 gols pelo Tricolor.

8. Leônidas da Silva - São Paulo 12 x 1 Jabaquara - 1945

Leônidas da Silva era craque. Ele chegou ao Morumbi já com 37 anos, mas nunca perdeu o gosto de fazer gols. Na campanha do Paulistão de 45, o São Paulo aplicou sonoros 12 a 1 no Jabaquara. Leônidas fez quatro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.