Venezuela e Chile vencem em casa pelas Eliminatórias da Copa 2014

Resultados complicam o Uruguai na disputa sul-americana por uma vaga no Mundial

AE, Agência Estado

26 de março de 2013 | 23h13

PUERTO ORDAZ - Venezuela e Chile aproveitaram o fator casa, venceram nesta terça-feira, e estão de vez na briga por uma das quatro vagas diretas das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2014. Os venezuelanos derrotaram a Colômbia, em Puerto Ordaz, por 1 a 0, enquanto os chilenos passaram pelo Uruguai, em Santiago, por 2 a 0.

A derrota fez os colombianos perderem a segunda colocação, que agora está com o Equador, ficando em terceiro, com 19 pontos. Na sequência vêm Chile e Venezuela, ambos com 15, e Uruguai, agora o sexto colocado, com 13 pontos. A liderança é da Argentina, com 24.

Diante dos poderosos colombianos, que fazem grande campanha nas Eliminatórias, a Venezuela partiu para cima desde o início e foi premiada com um gol aos 13 minutos. Rondon disparou pela direita e recebeu lindo lançamento. Ele ganhou na força do zagueiro e, mesmo sem ângulo, encheu o pé para marcar um lindo gol.

Em confronto direto na briga pelas últimas vagas, o Chile aproveitou o fato de atuar diante de sua torcida e foi para cima. Logo aos dez minutos, após cruzamento da esquerda, a zaga uruguaia se atrapalhou ao tentar afastar e a bola sobrou com Paredes, que só teve o trabalho de tocar para o gol.

Buscando pelo menos o empate para seguir em boa posição, o Uruguai foi para cima no segundo tempo e perdeu boas chances, mas acabou castigado no final. Aos 33 minutos, o atacante do Grêmio Eduardo Vargas aproveitou rebote do goleiro, após bela jogada do ataque chileno, e bateu para o gol vazio para selar o placar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.