Veterano Finazzi impulsiona Corinthians para fugir da Série B

Responsável por 28,5% dos gols do time, jogador espera livrar torcida do 'tormento do rebaixamento'

29 de outubro de 2007 | 09h59

Apesar do técnico Nelsinho Baptista ter apostado nos jovens Lulinha (17 anos) e Dentinho (18) para salvar o Corinthians da Série B, coube ao veterano atacante Finazzi (34) comandar a recuperação do time dentro do Campeonato Brasileiro. O jogador foi fundamental na vitória sobre o Figueirense, por 2 a 1, no Pacaembu.  Veja também: O Corinthians vai cair para a Série B de 2008? Classificação Calendário / Resultados Crônica do jogo: Corinthians 2 x 1 Figueirense Valdivia é repreendido por expulsão diante do Vasco São Paulo convoca torcida para jogo do título nesta quarta Quando chegou ao Corinthians, Finazzi prometeu marcar ao menos 10 gols no Nacional, marca atingida no domingo com os dois gols diante do Figueirense. O atacante, porém, não quer parar nesse número e espera balançar ainda mais a rede dos adversários nas últimas cinco rodadas do Nacional. "Ofereço esses gols à torcida, que lotou o Pacaembu e merece muito mais nesse Brasileiro", disse o atacante. "Tenho certeza de que os torcedores vão se livrar desse tormento, que é lutar contra a segunda divisão. Parabenizo a todos pelo resultado alcançado." Finazzi é responsável por 28,5% dos gols do Corinthians dentro do Nacional, marca que pode aumentar nesta quarta-feira, quando o clube pega o Flamengo, no Rio, pela 34.ª rodada. Apesar de vencer o Figueirense, o Corinthians continua na zona de rebaixamento, com 41 pontos. O Goiás, primeiro time fora da zona da degola, tem o mesmo número de pontos, mas leva vantagem nos critérios de desempates - tem duas vitórias a mais do que os corintianos. 

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansFinazzi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.