Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

'Veteranos' tentam elevar auto-estima e confiança de 'novatos' no São Paulo

Jogadores experientes, como Lucas Pratto, veem jovens desmotivados na luta contra o rebaixamento

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

02 de setembro de 2017 | 07h00

Hernanes, Lugano, Lucas Pratto e outros jogadores mais experientes do São Paulo estão na cola de atletas como os jovens Lucas Fernandes e Brenner, revelados na base do clube, e Aderllan, recém-contratado, para mostrar a eles que o time ainda pode reverter a má situação no Campeonato Brasileiro.

A intenção é elevar a auto-estima e dar mais confiança aos "novatos" do grupo, abalados por conta da vice-lanterna e da interminável crise do São Paulo no Nacional. "A maioria dos meninos está com a confiança baixa. Mas estamos falando todos os dias para que a confiança esteja lá em cima e todos acreditem em si mesmo", conta Lucas Pratto.

Para o lateral Edimar, a confiança dos "veteranos" é fundamental para manter o time fortalecido na luta contra o rebaixamento. "Todos os jogadores têm sua bagagem, sua história, e os mais velhos estão passando confiança para os mais novos", relata o jogador. "Essa situação que estamos vivendo é preocupante e temos que saber que estamos no São Paulo, que é muito grande, e por isso a confiança também precisa ser muito grande".

Nos treinos do São Paulo, virou cena comum ver orientações e dicas sendo dadas não só por Dorival Junior aos atletas mais jovens, mas também dos jogadores mais velhos, que conversam com os meninos principalmente sobre posicionamento e visão de jogo.

Dupla de zaga na ausência de Rodrigo Caio e Arboleda - que defendem suas respectivas seleções nas Eliminatórias -, Aderllan e Lugano têm protagonizado alguns desses momentos de "aulas" nas atividades no CT da Barra Funda. Fã do uruguaio, o recém-contratado ainda não estreou com a camisa tricolor, e vem aproveitando os treinamentos para aprender com o ídolo, algo que planejou assim que assinou contrato com o São Paulo.

"Sempre admirei o Lugano e será muito bom poder aprender com ele. Quero ouvir os conselhos dele e ter uma disputa sadia pela posição, porque respeito muito a história do Lugano”, disse Aderllan.

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.