Lucas Merçon/FFC
Lucas Merçon/FFC

Vice do Fluminense critica Diniz e esquenta clima para jogo com o São Paulo

Equipes se enfrentam na quinta-feira, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro

Redação, Estadão Conteúdo

04 de novembro de 2019 | 20h44

O reencontro entre o Fluminense e o técnico Fernando Diniz, atual treinador do São Paulo, não deve ser amistoso, nesta quinta-feira, às 19h30, no Morumbi, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta segunda, Celso Barros, vice-presidente do clube carioca, usou as redes sociais para criticar o trabalho do treinador durante 15 rodadas à frente do time na competição nacional.

"Após o jogo de sábado contra o Vasco (0 a 0) o Fluminense completou 30 jogos no Campeonato Brasileiro. Nos primeiros 15 jogos sob o comando de Fernando Diniz tivemos um aproveitamento de 27%. Sob o comando de Oswaldo de Oliveira e Marcão esse número subiu para 42%. Se durante todo o campeonato tivéssemos esse índice, o Flu hoje não estaria na zona de rebaixamento. Certamente estamos sendo muito impactados pela campanha ruim que tivemos nos nossos primeiros 15 jogos", escreveu o dirigente, que acenou com a possibilidade de fazer alterações no comando técnico da equipe, sem dar detalhes.

"Por isso penso que eventuais mudanças podem ser positivas para melhorar resultados e alcançarmos os nossos objetivos. Em números aproximados, precisamos conquistar 60% dos pontos que iremos disputar nos próximos oito jogos. Tenho certeza que isso é possível e para que isso aconteça precisamos estar unidos. Torcida, jogadores, comissão técnica e dirigentes", disse Celso Barros.

Fora destas discussões, o técnico Marcão terá dois reforços para enfrentar o São Paulo. Ele poderá contar com Gilberto e Yuri diante do São Paulo. O lateral-direito foi submetido a exames e teve constatada apenas uma pequena torção no tornozelo direito. Já o volante está recuperado de uma indisposição que o tirou do clássico com o Vasco. Outro que estará à disposição é o lateral Igor Julião, recuperado de uma lesão muscular na coxa direita.

Com 31 pontos, o Fluminense é o 17º colocado, o primeiro time dentro da zona de rebaixamento. Com uma vitória, o time tricolor pode deixar a zona da degola, caso o Cruzeiro não vença o Athletico-PR, em Curitiba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.