Vice do Milan diz que apenas Real fez proposta por Kaká

Declaração acaba com suposta proposta milionária do Chelsea, da Inglaterra, pelo meia brasileiro

EFE

15 de outubro de 2007 | 15h24

O vice-presidente e chefe executivo do Milan, Adriano Galliani, reconheceu, nesta segunda-feira, que o Real Madrid foi o único clube a apresentar proposta para contratar o meio-campo brasileiro Kaká, acabando com os boatos de que o Chelsea, da Inglaterra, teria feito uma oferta milionária pelo jogador, na semana passada.   "O único clube que fez uma oferta por Kaká foi o Real Madrid, cordialmente convidado a não insistir, pois ele não está à venda. Ele tem contrato até 30 de junho de 2011 e o respeitará", destacou Galliani em declarações ao site do Milan.   Além disso, Galliani despistou ao comentar as declarações feitas no fim de semana por Ernesto Bronzetti, conselheiro do Milan no mercado espanhol e que afirmou que Ronaldinho Gaúcho pode deixar o Barcelona no final da atual temporada.   "Bronzetti tem uma relação de colaboração conosco. Ronaldnho Gaúcho? O Barcelona sabe de nosso interesse, mas o titular de seu passe é o presidente (Joan) Laporta, que continua sem pensar em vendê-lo", comentou o dirigente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.