Divulgação
Divulgação

Vice-presidente de futebol do Botafogo renuncia ao seu cargo

Antonio Mantuano deixa o clube na véspera de jogo para a Série B

Estadão Conteúdo

10 de agosto de 2015 | 21h17

O Botafogo anunciou na noite desta segunda-feira, por meio de uma curta nota oficial, que Antonio Carlos Mantuano renunciou ao cargo de vice-presidente de futebol do clube. O anúncio ocorre um dia antes de a equipe enfrentar o ABC, nesta terça, às 21h30, no Engenhão, pela 18ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

"O Botafogo de Futebol e Regatas comunica que Antônio Carlos Mantuano renunciou ao cargo de vice-presidente de futebol nesta segunda-feira. Em breve o substituto será anunciado", informou a nota oficial, que não explicou os motivos para a renúncia do dirigente.

Mantuano era considerado o homem forte do futebol alvinegro desde a eleição de Carlos Eduardo Pereira para a presidência do Botafogo, ocorrida no fim do ano passado, mas acabou deixando o cargo com o time ocupando atualmente a quarta posição da Série B, com 30 pontos, um atrás de Vitória, Bahia e América-MG, que hoje dividem a liderança.

Em má fase, o Botafogo está há quatro jogos sem vencer. Não ganha uma partida desde 18 de julho, quando superou o Náutico por 1 a 0, no Engenhão, logo depois de ter sofrido uma amarga eliminação diante do Figueirense na Copa do Brasil, caindo por 1 a 0 diante do rival catarinense, em casa, após sofrer um gol no finalzinho do jogo.

No último sábado, a equipe foi derrotada por 1 a 0 pelo Santa Cruz, em Recife, após ter acumulado empates por 0 a 0, em casa, contra Luverdense e Criciúma, e um outro empate por 1 a 1, contra o Bahia, em Salvador, pela Série B.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.