Bruno Cantini/CAM
Bruno Cantini/CAM

Victor diz que triunfo sobre Palmeiras é vital para sequência do Atlético-MG

Goleiro elogia adversário e principalmente o técnico Cuca, com quem já trabalhou

Estadao Conteudo

05 de setembro de 2017 | 15h27

O goleiro Victor enfatizou a importância que uma vitória sobre o Palmeiras terá para as pretensões do Atlético Mineiro para a sequência do Campeonato Brasileiro. A partida, válida pela 23ª rodada da competição, será realizada no próximo sábado, às 16 horas, no estádio Independência.

Em entrevista nesta terça-feira após o treino da equipe, o jogador, que teve grande atuação - e defendeu um pênalti - no empate em 0 a 0 no primeiro turno do Nacional, em São Paulo, também fez elogios ao técnico palmeirense, Cuca, com quem foi campeão da Libertadores, em 2013, pelo clube mineiro.

"Mais um jogo difícil, bem disputado. De equipe bem treinada, o Cuca é um grande treinador. A gente sabe o dia a dia dele, o que faz para motivar seus jogadores. Certo que será um jogo difícil, bem disputado, mas um jogo para a gente poder confirmar a nossa ascensão na temporada, buscar uma melhor colocação no Campeonato Brasileiro. que a um jogo de fundamental importância para as nossas pretensões".

O Atlético Mineiro venceu quatro dos últimos cinco jogos que disputou, sendo dois deles pela Copa do Primeira Liga, diante de Internacional e Paraná. No entanto, a boa fase não ilude o volante Adílson, que cobrou empenho do grupo para que o time atleticano mantenha o bom rendimento.

"A gente retomou mais a confiança, havíamos passado por muitos problemas, muita gente ficou fora por muito tempo. Encontramos novamente um equilíbrio. As coisas têm acontecido, temos sofrido poucos gols também. Parece que tudo vai voltando ao normal. Claro que a gente sabe que não está tudo perfeito. Então, 'pezinho no chão' para a gente seguir fazendo esse bom trabalho".

O técnico Rogério Micale comandou um treino na manhã desta terça-feira na Cidade do Galo, em Vespasiano. O jogador Alex Silva ocupou a lateral direita no lugar de Marcos Rocha, que está suspenso e não poderá enfrentar o Palmeiras.

O treinador atleticano deverá ir a campo contra o time paulista com a seguinte formação: Victor; Alex Silva, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Elias, Valdivia; Luan, Fred e Robinho.

Com 29 pontos, o Atlético Mineiro ocupa o décimo lugar no Brasileirão, dois pontos atrás do Cruzeiro, primeiro time do G6 - os seis primeiros colocados que terão vaga garantida na próxima edição da Copa Libertadores. Já o Palmeiras, com 36 pontos, é o quarto colocado da competição.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético Mineiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.