Ivan Storti/SantosFC
Ivan Storti/SantosFC

Victor Ferraz desabafa após ser vaiado no Santos: 'Não me escondo'

Lateral pediu mais paciência ao torcedor do Santos para que ele possa recuperar o alto nível de atuaçõe

Estadão Conteúdo

29 Janeiro 2018 | 18h30

Victor Ferraz foi um dos grandes personagens do empate do Santos por 1 a 1 com o Ituano, domingo, no Pacaembu, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. Com muitos erros no primeiro tempo, ele foi alvo de vaias da torcida, mas terminou o jogo com um gesto de superação ao atuar no sacrifício, com o braço imobilizado, após lesionar o ombro direito. Nesta segunda-feira, após 90 minutos tão marcantes, desabafou.

+ Gabriel diz que não esperava voltar tão cedo e promete estrear logo

O lateral-direito garantiu aceitar as críticas, mas também pediu mais paciência ao torcedor do Santos para que ele possa recuperar o alto nível de atuações que lhe rendeu a condição de titular absoluto da posição nos últimos anos no clube.

"Jogo em um dos maiores do mundo e não pode ser de outra forma, tem mesmo que ter pressão, só os maiores vestiram essa camisa, por isso é grande a responsabilidade de vesti-la. Durante muitos anos fui aplaudido, elogiado e aceitei com prazer, agora nas críticas e vaias também devo aceitar, assimilar e tentar melhorar", escreveu Victor Ferraz em publicação no seu perfil no Instagram.

Victor Ferraz lesionou o ombro direito durante o segundo tempo do duelo com o Ituano no momento em que o técnico Jair Ventura já havia realizado as três alterações na formação titular, o que levou o lateral a enfaixar o local para não deixar o time com um jogador a menos em campo.

A gravidade do problema ainda não foi determinada, mas é certo que ele vai desfalcar o time no clássico do próximo domingo com o Palmeiras, no Allianz Parque, pelo Campeonato Paulista. De qualquer forma, Victor Ferraz prometeu trabalhar duro para retornar o quanto antes ao Santos.

"Vocês me conhecem e sabem que não me escondo, me comprometo a me recuperar e treinar como um monstro e voltar a ser o 'Meu Véi' que vocês conhecem. O ano está só começando, muita coisa mudou por aqui, por isso o pedido de paciência, que vem muita coisa boa para nós", concluiu.

Mais conteúdo sobre:
Santos Futebol Clube Victor Ferraz

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.