Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Victor Ramos revela que reserva o fez pedir para deixar o Palmeiras

Zagueiro conta que não aceitou ficar no banco de reservas

O Estado de S.Paulo

10 de dezembro de 2015 | 07h00

O zagueiro Victor Ramos não vai ficar no Palmeiras para a próxima temporada e seu destino mais provável é o Monterrey, com quem ainda tem vínculo. O jogador deixa o time alviverde após 28 jogos e sem conseguir se firmar como titular da equipe. Isso, inclusive, foi fundamental para o defensor decidir ir embora. Ele revelou que chegou a pedir para não ser relacionado em alguns jogos.

"Eu conversei com o Marcelo Oliveira (técnico), respeito a opinião do treinador, mas não tinha porque eu ficar na reserva. Não é com todo treinador que você vai se dar bem. Eu estava sempre ali, respeitando a opinião do Marcelo, mas teve partida que eu pedi para não ser relacionado, porque eu não queria ficar no banco. Foi uma coisa minha. Eu não quis ir para alguns jogos", disse o zagueiro, em entrevista à Rádio Globo.

Victor Ramos contou que sequer cogitou a possibilidade de tentar uma renovação de contrato com o Palmeiras. “Não tenho intenção nenhuma de continuar e sei que o Palmeiras também não quer. Falei com o Cícero (Souza, gerente de futebol) e com o Mattos. Manifestei que não tinha intenção de ficar, porque vim para o Palmeiras ganhando bem menos do que eu ganhava no México e não quero mais isso”, explicou.

Apesar da reclamação, o zagueiro deixa claro que sai de cabeça erguida e não tem críticas ao Palmeiras. "Tive uma sequência boa quando cheguei ao Palmeiras e acabei não sendo tão utilizado pelo professor Marcelo. Mas só tenho a agradecer ao carinho da torcida e fico feliz por ter jogador em um clube do tamanho do Palmeiras", completou o zagueiro, que deixou claro ter decidido falar só após o término da temporada, para não atrapalhar o ambiente da equipe.

Além de Victor Ramos, quem também não fica no Palmeiras na próxima temporada são o goleiro Aranha, o volante Andrei Girotto e o lateral-esquerdo João Paulo. A tendência é que outros jogadores também deixem o clube nos próximos dias, casos, por exemplo, do atacante Kelvin.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.