Reprodução / Instagram
Reprodução / Instagram

Flamengo pode oferecer salário anual de R$ 24 milhões para contratar Vidal, diz jornal chileno

Volante está em final contrato com a Internazionale de Milão e não deve renovar; se vier para o futebol brasileiro, o jogador pode se tornar o mais bem pago do País

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2022 | 14h35

O sonho de Arturo Vidal em defender o Flamengo pode estar virando realidade. O astro da seleção chilena, que já fez diversas aparições públicas com a camisa do clube carioca, está em fim de contrato com a Inter de Milão e pode desembarcar no Rio de Janeiro já no meio deste ano

Vidal tem contrato até o meio de 2023 com a Inter, mas o acordo possui uma cláusula permitindo que vínculo seja rescindido no fim da atual temporada mediante caso a Inter pague 4 milhões de euros (R$ 20 milhões) ao volante. Segundo o jornal La Tercera, o Flamengo já traça um plano para contar com a estrela o quanto antes.

O rubro-negro tentará transformar Vidal no atleta mais bem pago do futebol brasileiro. De acordo com a publicação, a oferta salarial estaria na casa dos 5 milhões de dólares por ano (cerca de R$ 24 milhões), algo em torno de R$ 2 milhões mensais.

O contrato teria duração de duas temporadas, com opção de renovação automática por mais um ano. No entanto, o Flamengo não seria o único clube interessado. Uma proposta do Al Rayyan, clube do Catar em que joga James Rodríguez, e o Colo-Colo estariam na briga pelo volante, segundo a imprensa chilena.

"Um dos grandes objetivos de Arturo Vidal é conquistar a Libertadores. Esse foi um dos principais motivos para ouvir o Flamengo, time que está sempre na luta pelo título. Além disso, ele adora a ideia de morar no Rio de Janeiro", afirmou o "La Tercera". O chileno já postou em seu Instagram diversas fotos com a camisa do clube da Gávea, além de dar sinais de uma vinda para o Brasil.

Vidal foi revelado pelo Colo-Colo chegou à Europa na temporada 2007/08. Desde então, teve passagens pelo Bayer Leverkusen, Juventus, Bayern de Munique, Barcelona, até vestir as cores da Inter de Milão a partir da temporada 2020/21. Pela seleção chilena, conquistou a Copa América de 2015 e 2016.

Enquanto ainda não conta com Vidal, o Flamengo venceu na última quinta-feira a Universidad Católica do Chile, por 3 a 2, pela Copa Libertadores da América e chegou à liderança do grupo H, com nove pontos. O próximo confronto do rubro-negro agora será no dia 4 de maio, às 19h, contra o Talleres.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.