Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

VÍDEO: Boselli inicia o ano como artilheiro no Corinthians. Veja os gols

Atacante brilha em vitória sobre o Botafogo-SP e enche a torcida e o técnico Tiago Nunes de confiança

Redação, O Estado de S.Paulo

24 de janeiro de 2020 | 09h54

Foi apenas um jogo, e não mais do que isso, mas o argentino Boselli já deixou uma ótima impressão para a torcida do Corinthians nesta temporada e, principalmente, para o técnico Tiago Nunes, na vitória sobre o Botafogo-SP por 4 a 1, estreia do time no Paulistão. O atacante marcou três gols, deixou a Arena Corinthians aplaudido e mostrou que pode ter um ano bem diferente do que teve em 2019.

Na temporada passada, Boselli fez apenas dez gols em 45 partidas, sustentando uma média de 0,22 gol por jogo. Não era o que ele esperava quando chegou ao Brasil. Durante a temporada, jamais conseguiu se firmar como titular absoluto de Carille. Na maior parte do tempo, entrou no decorrer das partidas ou começou jogando e foi substituído sob vaias. 

O no foi tão ruim que, no témino da temporada, chegou-se a cogitar no clube a possibilidade de ele deixar o Corinthians, já que está emprestado pelo León, do México. Apesar das especulações, o atleta argentino de 34 anos decidiu permanecer até o fim de 2020, quando termina seu contrato. 

Desde os primeiros treinamentos deste ano, o técnico Tiago Nunes já parecia preferir o argentino a Gustagol ou Vagner Love. Até mesmo Luan, recém-chegado do Grêmio, poderia fazer a função. A confiança do treinador, aliada com o esquema tático mais ofensivo e que proporciona maiores oportunidades para os atacantes, pode ajudar a explicar a estreia tão boa de Boselli. Ele mostra-se mais disposto e sem medo de errar.

Os três gols marcados diante do Botafogo-SP fizeram também Boselli entrar para a história da Arena Corinthians. Ele foi apenas o terceiro jogador com a camisa corintiana a marcar três vezes no estádio num mesmo jogo. O primeiro foi o atacante Luciano, na goleada por 5 a 2 sobre o Goiás, pelo Brasileirão de 2014, logo que a arena foi inaugurada. No ano seguinte, Guerrero balançou as redes três vezes na vitória por 3 a 0 sobre o Danubio-URU, pela Copa Libertadores. O paraguaio Romero foi o último jogador do Corinthians a marcar três gols em uma mesma partida. Ele conseguiu o feito na vitória por 4 a 1 sobre o Vasco, em julho de 2018, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Nenhum deles está mais no clube. 

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansfutebolMauro Boselli

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.