Gonzalo Fuentes / Reuters
Gonzalo Fuentes / Reuters

Vídeo mostra discussão completa entre Neymar e González até a expulsão do brasileiro; assista

Ambos trocaram farpas por cerca 1 minuto e 20 segundos antes da agressão do atacante do PSG

Redação, O Estado de S.Paulo

15 de setembro de 2020 | 11h15

Cerca de 2 minutos. Esse foi o tempo da discussão inicial entre Neymar e o zagueiro espanhol Álvaro González, que culminou na expulsão do jogador brasileiro e na consequente alegação de ter sofrido injúrias raciais do rival. Nesta terça-feira, o site do jornal espanhol Marca divulgou um vídeo que mostra a briga inteira e por um ângulo inédito. Ambos discutiram por cerca 1 minuto e 20 segundos antes do tapa que gerou a expulsão do atacante parisiense.

Após a partida, Neymar usou as redes sociais para manifestar sua indignação em relação a arbitragem e a suposta atitude racista de seu adversário. "VAR pegar a minha 'agressão' é mole. Agora eu quero ver pegar a imagem do racista me chamando de 'mono hijo de... (macaco filha da...)' Isso eu quero ver! E aí? Carretilha você me pune. Cascudo sou expulso. E eles? E aí?", questionou, no Twitter. 

Isso porque, no fim primeiro tempo, Neymar já havia alertado o quarto árbitro da partida que González teria sido racista. O lance que culminou na expulsão do brasileiro aconteceu na etapa posterior. Ele empurra o defensor espanhol para fora do gramado e a calorosa discussão se inicia.

No dia seguinte ao acontecimento, Neymar disse que não deveria ter dado um cascudo em González e, por isso, aceita uma punição, mas espera que o mesmo aconteça com o espanhol. "Nós que estamos envolvidos no entretenimento, precisamos refletir. Uma ação levou a uma reação e chegou onde chegou. Aceito minha punição porque deveria ter seguido no caminho da disputa limpa do futebol. Espero, por outro lado, que o defensor também seja punido", disse. 

Agora, ambos aguardam uma decisão do comitê disciplinar da Liga de Futebol Profissional (LFP) da França. De acordo com a imprensa local, Neymar pode pegar até sete jogos de suspensão pela agressão. González, se acusado pelas injúrias raciais, pode pegar um gancho de dez partidas.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.