FELIPE RAU/ESTADÃO/9-7-2017
FELIPE RAU/ESTADÃO/9-7-2017

Vila Belmiro não traz boas recordações recentes para o São Paulo

Time tricolor venceu apenas uma das últimas dez partidas disputadas no palco do San-São do próximo domingo

Renan Cacioli, O Estado de S. Paulo

11 Setembro 2018 | 05h00

O São Paulo definitivamente não terá vida fácil no próximo domingo, quando visita o Santos às 16h, na Vila Belmiro, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Como se não bastasse enfrentar um adversário embalado, vai jogar em palco de más recordações recentes, onde o time venceu apenas um dos últimos dez encontros realizados.

A vitória aconteceu no ano passado, no primeiro clássico de Rogério Ceni como treinador são-paulino. Pelo Campeonato Paulista, o garoto Luiz Araújo comandou a virada por 3 a 1 – Copete havia aberto o placar para os santistas, e o peruano Cueva deixara tudo igual.

Foi um raro momento de felicidade tricolor no caldeirão alvinegro. Nessa relação dos dez confrontos mais recentes na Vila, a equipe saiu derrotada em seis ocasiões. Houve ainda três empates. Confira a lista:

9/7/2017 – Santos 3 x 2 São Paulo – Campeonato Brasileiro

16/2/2017 – Santos 1 x 3 São Paulo – Campeonato Paulista

27/3/2016 – Santos 1 x 1 São Paulo – Campeonato Paulista

28/10/2015 – Santos 3 x 1 São Paulo – Copa do Brasil

9/9/2015 – Santos 3 x 0 São Paulo – Campeonato Brasileiro

19/4/2015 – Santos 2 x 1 São Paulo – Campeonato Paulista

11/2/2015 – Santos 0 x 0 São Paulo – Campeonato Paulista

2/10/2013 – Santos 3 x 0 São Paulo – Campeonato Brasileiro

3/2/2013 – Santos 3 x 1 São Paulo – Campeonato Paulista

9/9/2012 – Santos 0 x 0 São Paulo – Campeonato Brasileiro

Na história, há uma divergência de números entre os rivais. O São Paulo computa 105 jogos disputados ao todo no estádio santista, com 33 vitórias, 25 empates e 47 derrotas. Já os dados do Santos levam em conta 97 jogos: 46 vitórias, 22 empates e 29 derrotas.

Em 2018, os rivais já se cruzaram duas vezes, ambas no Morumbi. Pelo Campeonato Paulista, Gabriel garantiu a vitória alvinegra por 1 a 0. Já no primeiro turno do Brasileirão, Diego Souza deu o troco e fez o gol do triunfo tricolor pelo mesmo placar.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.