Reprodução/Twitter/Vila Nova
Reprodução/Twitter/Vila Nova

Vila Nova amplia jejum do São Bento e vence a primeira em casa na Série B

Bruno Mota, aos 27 minutos do segundo tempo, fez o único gol da partida

Redação, Estadão Conteúdo

11 de junho de 2019 | 22h02

Após três jogos sem vitórias na Série B, o Vila Nova voltou a somar três pontos nesta terça-feira, na sua última partida antes da paralisação para a Copa América. O alívio veio com o triunfo por 1 a 0 sobre o São Bento, no Olímpico, em jogo válido pela oitava rodada. Essa foi a primeira vitória em casa do time goiano, que até então vinha mandando suas partidas no Serra Dourada.

Com o resultado, o time do técnico Eduardo Baptista chegou aos dez pontos, na zona intermediária da classificação. Já o São Bento chega à terceira derrota seguida, estacionado nos sete pontos e sob risco de rebaixamento.

Apesar de jogar na condição de visitante, o São Bento teve iniciativa e foi melhor durante a maior parte do primeiro tempo. O destaque ficou por conta do duelo entre o são-bentista Zé Roberto e o goleiro Rafael Santos, que fez duas boas defesas em finalizações perigosas do atacante.

O Vila Nova, por sua vez, teve algumas chegadas esporádicas ao campo de ataque, mas sofreu bastante na criação. Ainda assim, conseguiu levar perigo nos minutos finais, quando Richard recebeu cruzamento de Facundo Boné e viu a bola explodir no travessão após cabecear com força.

O segundo tempo teve um início parecido com o da etapa inicial, com o São Bento mais ligado, tanto que os primeiros momentos foram de pressão. Em menos de seis minutos, o time paulista teve três boas chances de abrir o placar, todas com Fernandes, mas ele não aproveitou.

A intensidade não foi mantida pelos visitantes e logo o Vila Nova começou a achar espaços. Melhor no jogo, a equipe de Goiânia mostrou mais eficiência do que o adversário e fez o gol da vitória aos 27 minutos, em um cabeceio de Bruno Mota após cruzamento de Erick. Na sequência, o São Bento não conseguiu voltar a pressionar e pouco fez para empatar.

Os dois times voltam a campo apenas após 7 de julho, quando termina a Copa América, mas as datas ainda não foram definidas. O São Bento enfrenta o Sport e o Vila Nova fará clássico contra o Atlético-GO.

FICHA TÉCNICA

VILA NOVA 1 X 0 SÃO BENTO

VILA NOVA - Rafael Santos; Jeferson, Wesley Matos, Diego Jussani e Gastón Filgueira; Joseph, Ramon, Alan Mineiro, Boné (Erick) e Richard (Bruno Mota); Elias (Magno). Técnico: Eduardo Baptista.

SÃO BENTO - Mateus Pasinato; Edson Ratinho, Wesley, Guilherme Mattis e Guilherme Romão; Doriva, Vinícius Kiss e Fernandes (Fabrício Oya); Cafu, Minho (Joãozinho) e Zé Roberto (Alecsandro). Técnico: Doriva.

GOL - Bruno Mota, aos 27 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Grazianni Maciel Rocha (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Jeferson, Wesley Matos, Erick e Richard (Vila Nova); Vinícius Kiss e Zé Roberto (São Bento).

RENDA - R$ 22.850,00.

PÚBLICO - 1.794 pagantes (2.808 total).

LOCAL - Estádio Olímpico, em Goiânia (GO).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.