Vila Nova empata em casa e continua na zona de degola

Goianos ficam no 0 a 0 com o Guarani, que se afasta das últimas posições

AE, Agência Estado

30 de setembro de 2011 | 22h53

GOIÂNIA - Em uma partida muito fraca tecnicamente, Vila Nova e Guarani não mereceram sair do empate por 0 a 0. A partida válida pela 27.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, disputada nesta sexta-feira, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, serviu apenas para manter a série de invencibilidade dos dois times.

Se no comando do técnico Léo Goiano, os goianos ainda não perderam, com uma vitória e dois empates, os paulistas não perdem há três jogos, com duas vitórias e um empate. Mas o ponto não adiantou para nenhum dos times, já que o Vila Nova segue na zona de rebaixamento - agora com 29 pontos, em 17.° lugar. Por sua vez, o Guarani é o 12.° colocado, com 34.

O jogo começou em ritmo lento, com os dois times preocupados em marcar. A equipe da casa teve uma chance real com Betinho. Mais nada. O segundo tempo foi pior, com os times poucos interessados em conquistar a vitória. O Vila Nova teve apenas duas chances para marcar - uma com Betinho e outra com Túlio Souza. O Guarani nada fez e só se preocupou com o ponto conquistado fora de casa.

Pela 38.ª rodada, o Vila Nova volta aos gramados na próxima terça-feira, às 20h30, contra o Icasa, em Juazeiro do Norte (CE). No mesmo dia e horário, o Guarani enfrenta o Náutico, em Campinas.

VILA NOVA 0 X 0 GUARANI

VILA NOVA - Michel Alves; Gabriel, Ben-Hur (Ricardinho) e Henrique; Victor Ferraz (Túlio Souza), Geovani, Paulo César (Luiz Fernando), Davi e Jorge Henrique; Betinho e Roni. Técnico: Léo Goiano.

GUARANI - Émerson; Chiquinho, Ewerton Pascoa, Ailson e João Paulo; Dadá, Mika, Leandro Carvalho e Felipe; Denilson (Felipe Adão) e Marcelo Macedo (Fabinho). Técnico: Giba.

Cartões amarelos - Ben-Hur e Davi (Vila Nova).

Árbitro - Felipe Gomes da Silva (RJ).

Renda - R$ 23.845,00.

Público - 3.056 pagantes.

Local - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.