Vila Nova goleia Sampaio Corrêa e quebra tabu em casa

Apesar da vitória convincente, a situação do clube segue delicada e ocupa a penúltima colocação, na zona de rebaixamento

Estadão Conteúdo

25 de outubro de 2014 | 23h21

Após sete derrotas consecutivas, o Vila Nova finalmente voltou a vencer no estádio Serra Dourada, em Goiânia. E foi em grande estilo. O time goiano quebrou o tabu em casa ao atropelar o Sampaio Corrêa por 4 a 1, neste sábado pré-eleitoral, em confronto válido pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Apesar da vitória convincente, a situação do Vila Nova segue extremamente delicada. O time ocupa a penúltima colocação, com apenas 26 pontos, na zona de rebaixamento. São nove pontos a menos que o Icasa, o primeiro fora da degola. Já o clube maranhense vai dando adeus às chances de acesso, já que estacionou nos 47 pontos, na 10.ª posição.

Quem esperava mais um vexame do Vila Nova, surpreendeu-se quando a bola rolou. Atuando de forma compacta e muita velocidade nos contragolpes, os goianos dominaram o Sampaio Corrêa e liquidaram o jogo ainda no primeiro tempo. O placar foi inaugurado aos 16 minutos, após uma falha do zagueiro Mimica. O meia Paulinho escapou pela esquerda e rolou na medida para o atacante Jheimy só completar.

O mesmo Jheimy marcou o segundo gol aos 25 minutos, ainda do primeiro tempo. O camisa 9 passou por dois marcadores e bateu no canto direito do goleiro Rodrigo Ramos. O terceiro foi anotado pelo meia Lucas Sotero, aos 28 da segunda etapa. Ele tocou entre as pernas do volante Jonas e bateu colocado.

Apesar de o jogo já ter se definido, ainda aconteceram mais dois gols até o final da partida. O Sampaio Corrêa conseguiu descontar aos 32 minutos, em cobrança de pênalti do volante Uillian Correia. Aos 44, o atacante Matheus Anderson aproveitou um rebote para marcar o quarto gol e fechar a goleada.

Nesta terça-feira, às 19h30 (de Brasília), o Vila Nova terá pela frente o Santa Cruz, na Arena Pernambuco, no Recife, em jogo adiado da 31.ª rodada. Depois, o clássico contra o Atlético Goianiense, na sexta, em Goiânia, pela 33.ª rodada. Já o Sampaio Corrêa terá uma parada indigesta contra a líder Ponte Preta, no sábado, às 16h20, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

VILA NOVA 4 x 1 SAMPAIO CORRÊA

VILA NOVA - Cléber Alves; Arthur, Gustavo, Gabriel e Christiano; Leonardo, Radamés, Nenê Bonilha e Léo Rodrigues (Lucas Sotero); Paulinho (Matheus Anderson) e Jheimy (Dimba). Técnico: Wladimir Araújo.

SAMPAIO CORRÊA - Rodrigo Ramos; Daniel Damião, Mimica, Edimar e Tote; Jonas, Uillian Corrêa, Hiltinho e Cascata (Márcio Diogo); Pimentinha (Leandro Netto) e Willian Paulista (Edgar). Técnico: Vinícius Saldanha.

GOLS - Jheimy, aos 16 e aos 25 minutos do primeiro tempo; Lucas Sotero, aos 28, Uillian Correia (pênalti), aos 32, e Matheus Anderson, aos 46 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Gabriel e Nenê Bonilha (Vila Nova).

ÁRBITRO - Rodolpho Toski Marques (PR).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.