Gabriel Bouys/AFP
Gabriel Bouys/AFP

Vinicius Junior diz não ter sofrido lesão grave e lamenta eliminação do Real

Atacante se machucou no primeiro tempo durante derrota para o Ajax, pela Liga dos Campeões

Redação, Estadão Conteúdo

05 de março de 2019 | 19h58

O atacante Vinicius Junior, do Real Madrid, disse nesta terça-feira que não deve ter sofrido uma lesão grave durante o jogo contra o Ajax, em Madri. Após deixar o gramado do estádio Santiago Bernabéu ainda no primeiro tempo da derrota por 4 a 1 para a equipe holandesa, em resultado que selou a eliminação dos espanhóis na Liga dos Campeões da Europa, o jogador de 18 anos contou que os médicos do clube lhe tranquilizaram sobre a situação do seu tornozelo direito.

O brasileiro ficou em campo durante apenas 31 minutos, quando teve uma dividida na linha de fundo, sentiu fortes dores e foi substituído por Asensio. "Eu tentei escapar da falta, mas não consegui. Depois do jogo os médicos me acalmaram, me disse que não é nada grave", disse o jogador ao canal de TV a cabo Esporte Interativo. "Vamos fazer os exames para ver direito o que foi. Espero que não seja nada", afirmou.

Vinicius Junior recebeu na última semana a primeira convocação para defender a seleção brasileira. O técnico Tite chamou o atacante revelado pelo Flamengo para os amistosos deste mês contra o Panamá, na Cidade do Porto, e República Checa, em Praga. A apresentação à comissão técnica será daqui cerca de duas semanas.

Depois da queda nas oitavas de final, o atacante disse estar tranquilo sobre as críticas recebidas na Espanha pela falta de gols marcados. "Eu tenho só 18 anos, mas já estou aqui, no Real Madrid, como titular. Eu ainda tenho muito a evoluir. Vou treinar forte, vou trabalhar para crescer", comentou. Pelo time espanhol, ele tem oito gols em 33 jogos. "É para nós muito difícil estarmos eliminados. É um clube acostumado a ganhar", afirmou.

Um dos companheiros de Vinicius Junior, o lateral-direito Carvajal foi bastante sincero para avaliar a eliminação do time. Após cair diante do Barcelona na Copa do Rei e perder para o mesmo rival recentemente pelo Campeonato Espanhol, o jogador admitiu que é um ano para esquecer. "É uma temporada de m...", resumiu em entrevista para a emissora espanhola RMC Sport 1.

Carvajal disse ter vivido a pior noite com a camisa do clube. "Está claro que essa temporada terminou para nós. Seguiremos trabalhando no Campeonato Espanhol porque é o que temos e precisamos ser profissionais", disse. "Nunca tinha tido uma sensação tão ruim", explicou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.