Viola acerta com a Ponte Preta

Pensando em esquecer os erros da última temporada, quando lutou contra o rebaixamento nos Campeonatos Paulista e Brasileiro, a diretoria da Ponte Preta apresenta nesta sexta-feira o atacante Viola e o lateral-direito Luciano Baiano como novos reforços para a disputa do Paulista 2004. Viola, de 35 anos, quase desistiu de vir para o Majestoso depois que soube do possível interesse do Flamengo. Ele quer aproveitar a oportunidade de voltar a jogar para fazer uma grande campanha e, com isso, conseguir voltar a um grande clube do futebol paulista ou até mesmo de outro estado. Revelado pelo Corinthians, o jogador ficou conhecido após marcar o gol do título paulista de 1988, ao vencer o Guarani no Estádio Brinco de Ouro. Depois passou por Olímpia, São José, Palmeiras, Santos, Vasco, Sevilla (Espanha) e Gaziantespor (Turquia), clube que atuou pelos últimos dois anos e meio. Luciano Baiano, por sua vez, retorna à Ponte. O jogador fez uma grande campanha no Brasileiro de 2003 e foi negociado com o Flamengo, mas acabou indo para o banco de reservas após a chegada de Rafael, ex-Guarani. O atacante Weldon, que atuou pelo Sport na Série B do Campeonato Brasileiro, era esperado no clube na noite desta quinta-feira. O jogador seria apresentado, mas um congestionamento em São Paulo acabou atrsando o evento. Pela manhã o volante Marcus Vinícius, ex-Portuguesa, também foi apresentado. A diretoria confirmou também o acerto de contrato com os meias Zé Renato e Xandão, que estavam só treinando, e o retorno do goleiro Aranha, revelado pelo clube e que estava no Ecus, de Suzano, para ser o terceiro goleiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.