Fabio Menotti/Agência Palmeiras
Fabio Menotti/Agência Palmeiras

Visita de garoto doente emociona Kleina no Palmeiras

Lucas Neres sofre de uma insuficiência respiratória e precisa passar por uma operação

Daniel Batista, O Estado de S. Paulo

26 de fevereiro de 2014 | 16h57

SÃO PAULO - A equipe do Palmeiras recebeu uma visita emocionante no treinamento desta quarta-feira na Academia de Futebol. Trata-se do garoto Lucas Neres, de 16 anos, que mora em Brasília e precisa fazer uma operação no Canadá, pois sofre de insuficiência respiratória desde criança e já retirou um pulmão. Bem-humorado e esbanjando simpatia, ele mandou um recado para o técnico Gilson Kleina.

"Eu só posso desejar que o Kleina tenha a mesma fé que tenho e que é para jogar com fé e ter raça para vencer. Quero um título neste ano", disse o garoto palmeirense, após o treinador dar entrevista na Academia. A visita deixou Kleina visivelmente emocionado e disse que ele é um exemplo para todos e será lembrado na conversa com o grupo antes da partida contra o São Bernardo, nesta quinta-feira, no Pacaembu.

"Esse menino é um exemplo de vida e vai ser exemplo para o grupo também. Tenho a alegria de receber a visita dele e já deu para ver que entende muito de futebol. Uma das coisas que ele me falou foi que o Palmeiras o está deixando muito feliz. O Lucas sabe que ele pode contar com a gente e que assim como outras crianças que também passam por dificuldades, eles podem ter certeza de que todos juntos vamos vencer essa briga", afirmou o treinador.

Lucas esteve presente na terça-feira no jogo do time de basquete do Palmeiras contra o Universo/Goiânia. A equipe palmeirense venceu por 86 a 63 e a renda obtida na partida foi doada para ajudar no pagamento da cirurgia do garoto. O clube arrecadou pouco mais de R$ 4 mil. O preço da operação do menino é de US$ 300 mil (R$ 705 mil).

Palmeirense fanático, Lucas disse que é fã de Lúcio, Valdivia, Alan Kardec e Gilson Kleina. "O Lúcio disse que um dia ele vai na minha casa", contou, orgulhoso. 

Lucas ainda ganhou da diretoria do Palmeiras um ano do plano Ouro do programa de sócio-torcedor do clube, Avanti. Assim, ele terá direito em todos os jogos em que o Palmeiras for mandante, um ingresso gratuito nas Arquibancadas Verde, Amarela ou Laranja ou no Tobogã. Se preferir, ele terá 50% de desconto na Cadeira descoberta manga ou 50% na cadeira laranja central, além de outras vantagens do plano, que custa R$ 69,99 mensais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.