Visita de vice-presidente do Irã deve causar protestos

Várias organizações têm anunciado a realização de protestos durante a partida entre Irã e México, que marca a estréia de ambas na Copa do Mundo, no próximo domingo, em Nuremberg. Os protestos são motivados pela polêmica presença do vice-presidente iraniano Mohamed Aliabi.O diretor de polícia de Nuremberg, Gerhard Hauptmannl, explicou que as autoridades consideram que o jogo tem "um risco elevado". Apesar disso, garantiu que Aliabi terá o mesmo tratamento que qualquer outro convidado oficial. Outros protestos devem acontecer também durante as outras partidas da seleção iraniana, contra Portugal e Angola, nos dias 17 e 21 de junho, respectivamente. Comunidades de judeus devem encabeçar movimento devido críticas de Mahmoud Ahmadineyad, presidente do Irã, contra Israel.A possível presença do presidente Ahmadineyad, que tumultuou a comunidade internacional nos últimos meses com declarações explosivas e a insistência em prosseguir com o programa nuclear do Irã, já havia causado críticas. Ele se disse um "apaixonado por futebol", mas não deve assistir pessoalmente aos jogos da Copa do Mundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.