Ricardo Moraes/ Reuters
Ricardo Moraes/ Reuters

Vitinho comemora 'estrela' em decisões e Diego Alves provoca atacante do Flu

Atacante do Flamengo balançou as redes na final do Campeonato Carioca

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de julho de 2020 | 00h42

Assim como aconteceu no ano passado, contra o Vasco, o atacante Vitinho balançou as redes na final do Campeonato Carioca, nesta quarta-feira à noite no Maracanã. Foi ele o autor do gol que deu a vitória ao Flamengo sobre o Fluminense, por 1 a 0. O rubro-negro jogava pelo empate porque vencera também na ida, por 2 a 1. 

"Estou muito feliz de ter ajudado a equipe a ser campeã. Pelo segundo ano, faço o gol do título. Isso é importante: ajudar o time. Me sinto honrado de poder trabalhar com esse grupo e com o Jorge Jesus. Eles me ajudam todo o dia para eu fazer o meu melhor", disse Vitinho à Fla TV.

No ano passado, o Flamengo estava se sagrando campeão com a vitória simples sobre o Vasco e Vitinho "fechou o caixão". O mesmo aconteceu nesta quarta, pois o empate sem gols já dava o título ao clube rubro-negro.

"O Vitinho é um excelente jogador, que briga sempre pela posição e toda vez que entra está contribuindo. É um jogador muito dedicado. Parabéns ao Vitinho por mais um gol na final", comentou o vice-presidente de futebol do clube, Marcos Braz.

PROVOCAÇÃO

O goleiro Diego Alves aproveitou o momento de festa para "zoar" o peruano Pacheco. Na quarta passada, na final da Taça Rio, o jogador do Fluminense provocou o camisa 1 rubro-negro ao converter a cobrança na disputa de pênaltis. "No Rio de Janeiro, Pacheco que eu conheço é drogaria", brincou Diego Alves, se referindo a uma rede de farmácias na capital carioca.

Com o título estadual, os jogadores do Flamengo receberam folga até a próxima terça-feira, quando se reapresentam já de olho na estreia no Campeonato Brasileiro, contra o Atlético-MG, no Rio de Janeiro, provavelmente no dia 9 de agosto. Segundo o presidente Rodolfo Landim, apesar dos rumores, o técnico Jorge Jesus também deve se reapresentar ao time carioca para iniciar os treinos visando o Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.