Vitória demite Oswaldo de Oliveira

O técnico Oswaldo de Oliveira não é mais o técnico do Vitória. Após a goleada de 4 a 1 que a equipe baiana sofreu na noite de quarta-feira para o Paraná, as pressões dos torcedores aumentaram e o presidente do clube, Paulo Carneiro, decidiu demiti-lo por telefone na manhã desta quinta-feira. O treinador volta, contudo, com a delegação do Vitória que deveria desembarcar em Salvador no início da noite.Especula-se que a multa prevista para a rescisão do contrato assinado (até dezembro) entre o clube baiano e Oswaldo de Oliveira gira em torno de R$ 600 mil e essa era a razão dele ter resistido tanto no comando da equipe que vem numa trajetória descendente há várias rodadas. Em 14 jogos no comando da equipe ele só conseguiu três vitórias, perdendo sete e empatando quatro. A direção do clube deve anunciar o novo treinador da equipe antes da partida de domingo contra o Palmeiras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.