Vitória goleia lanterna Duque de Caxias no Barradão

Equipe faz 5 a1 nos cariocas e sobe para a quinta colocação, a cinco pontos do G4

AE, Agência Estado

13 de setembro de 2011 | 23h17

SALVADOR - Após duas rodadas sem vencer, o Vitória aproveitou o confronto com o Duque de Caxias, pior time da Série B, e conquistou os três pontos. Em partida válida pela 23.ª rodada, o time baiano não tomou conhecimento do adversário e aplicou a goleada por 5 a 1, em jogo disputado no Barradão, em Salvador.

Com o resultado, o Vitória chegou aos 35 pontos, que o deixa na sétima posição da tabela, há cinco pontos do Americana, quarto colocado. O Duque de Caxias segue sua sina. Sofreu a sua quinta derrota seguida e está na última colocação, com apenas nove pontos conquistados.

Como era esperado, o Vitória não deu chance para o Duque de Caxias. Logo aos 2 minutos, Marquinhos aproveitou a confusão entre a defesa e o goleiro Marcelo Carné e empurrou para o gol vazio. Aos dez minutos, novamente Marquinhos, recebeu no meio da área e arriscou por duas vezes, para ampliar o placar no Barradão. Aos 44 minutos, foi a vez de Neto Baiano aproveitar cruzamento e chutar de primeira para marcar.

Na segunda etapa o Vitória tirou o pé, mas o Duque de Caxias não mostrou poder de reação. Mesmo se poupando, visivelmente, o time baiano chegou ao quarto gol. Aos 17 minutos, em cobrança de falta ensaiada, Marquinhos chutou e marcou seu terceiro gol da noite.

O Duque de Caxias descontou aos 42 minutos, com Gilcimar cobrando pênalti. Mas, para dar números finais à goleada, Arthur Maia recebeu cruzamento na área e chutou para fazer o quinto gol baiano.

Pela 24.ª rodada, o Vitória volta a campo no próximo sábado, diante do ABC, no Estádio do Frasqueirão, em Natal, a partir das 16h20. O Duque jogará antes. Na sexta-feira, o time fluminense recebe o Sport, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), às 20h30.

VITÓRIA 5 X 1 DUQUE DE CAXIAS

VITÓRIA - Fernando; Nino, Alison, Maurício e Fernandinho; Uelliton (Gabriel Paulista), Felipe, Preto e Geovanni; Neto Baiano (Fábio Santos) e Marquinhos (Arthur Maia). Técnico - Vágner Benazzi.

DUQUE DE CAXIAS - Marcelo Carné; Everton, Lucão (Edu Pina), Bruno Costa (Léo Faria) e Ernani; Genilson, Júlio César, Leandro Teixeira e Galvão (Abedi); Gilcimar e Dudu. Técnico Paulo Campos.

Gols - Marquinhos, aos 2 e aos 10, e Neto Baiano, aos 44 minutos do primeiro tempo. Marquinhos, aos 17 , Gilcimar, aos 42, e Arthur Maia, aos 46 minutos do segundo tempo.

Árbitro - Charles Hebert Cavalcante Ferreira (AL)

Cartões amarelos - Maurício, Felipe, Lucão, Edu Pina e Ernani.

Público - 6.662 pagantes.

Renda - R$ 70.410,00.

Local - Estádio do Barradão, em Salvador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.