Vitória supera Bahia e mantém tabu

O Vitória manteve um tabu de cinco anos sem perder dentro de casa para o rival Bahia. A virada por 2 a 1 elevou o Vitória para a 12ª posição, com 47 pontos, enquanto o Bahia ficou com 39 e corre sério risco de rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro.O Bahia foi ao Barradão disposto a quebrar dois tabus em um jogo só, pois também está há mais de um ano sem vencer longe da Fonte Nova de qualquer adversário. O goleiro Juninho já havia feito duas boas defesas, aos 4 minutos de jogo, em lances desperdiçados por Didi e Jean Carlos. O time tricolor perdeu Otacílio, machucado, e Ramos o substituiu. Mas chegou ao primeiro gol, aos 23 minutos, em falta cobrada por Preto. Marcelo Heleno estava embaixo do gol e atrapalhou Juninho.O técnico Lori Sandri resolveu mexer no Vitória e tirou o zagueiro Alex Santos para colocar o atacante Samir. Logo depois, o Vitória chegou ao empate: Alessandro Goiano recebeu passe pela esquerda e fez um belíssimo gol de cobertura sobre Emerson. Dudu Cearense perdeu chance de virar ainda no primeiro tempo.No segundo tempo, Lori Sandri modificou o Vitória outra vez para chegar ao resultado que queria. Colocou Gilmar e Robson Luís nos lugares de Alecsandro e Alessandro Goiano. Aos 35 minutos, foi Gilmar que fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Samir tocar no gol vazio. Didi teve a chance do empate mas chutou no travessão, na última chance do Bahia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.