Vitória tenta, mas não fura o bloqueio do Macaé e empata sem gols no Barradão

O Vitória tentou de todos os jeitos, mas não conseguiu furar o bloqueio do Macaé, que bem postado na defesa conseguiu seu objetivo: ficar no empate por 0 a 0, no estádio Barradão, em Salvador, nesta terça-feira, em jogo válido pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Estadão Conteúdo

28 de julho de 2015 | 22h10

Com o ponto conquistado, o Vitória subiu uma posição, ultrapassando o América-MG no saldo de gols (9 a 6), assumindo a vice-liderança da Série B, com 27 pontos. Por sua vez, o Macaé segue na zona intermediária, agora com 23 pontos.

O Vitória mostrou desde os primeiros minutos que ia pressionar, tentando o resultado positivo. Mas já tinha percebido também que o Macaé faria duas linhas de quatro e jogaria no contra-ataque, buscando uma bola. Mesmo com muita intensidade dos dois lados, as chances reais de gols no primeiro tempo foram poucas.

No primeiro lance do segundo tempo, o Vitória teve uma ótima chance. Após lindo lançamento, Rogério, que entrou no intervalo, foi lançado, invadiu a área e bateu rasteiro, acertando a trave do Macaé. A pressão baiana era grande e as chances eram criadas, mas não convertidas.

Aos 27 minutos, após cobrança de escanteio, Ramon cabeceou sozinho muito perto da trave de Rafael, que só ficou olhando. No minuto seguinte, Vander arriscou de fora da área e acertou a trave do time carioca. Com o passar do tempo, a pressão baiana foi só aumentando, mas em uma noite infeliz dos atacantes, a rede não balançou.

O Vitória volta aos gramados no sábado, às 16h30, contra o América-MG, em Salvador, enquanto que o Macaé vai até o Recife, onde enfrenta o Náutico, no mesmo dia e horário.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA 0 x 0 MACAÉ

VITÓRIA - Gatito Fernádez; Diogo Mateus, Kanu, Ramon e Diego Renan; Marcelo Mattos, Flávio (Rogério), Pedro Ken e Escudero; Rhayner (Davi) e Robert (Vander). Técnico: Vagner Mancini.

MACAÉ - Rafael; Henrique, Douglas Assis (Brinner), Thiago Cardoso e Diego; Gedeil, Alisson (Wagner Carioca), Juninho e Marquinho (Fernando Neto); Pipico e Anselmo. Técnico: Marcelo Cabo.

CARTÕES AMARELOS - Rogério (Vitória); Henrique e Juninho (Macaé).

ÁRBITRO - Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN).

RENDA - R$ 123.939,00.

PÚBLICO - 7.199 pagantes (7.561 presentes).

LOCAL - Estádio Barradão, em Salvador (BA).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BVitóriaMacaé

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.