Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Volante do Brasil critica comparações entre time masculino e feminino

Djenifer Becker condena comparações do time feminino Sub-20, que perdeu de 5 a 1 para a a Alemanha, com a surra do Brasil na Copa

O Estado de S. Paulo

13 de agosto de 2014 | 11h55

As diversas comparações entre as seleções brasileiras masculina e feminina após as meninas serem goleadas por 5 a 1 pela Alemanha, terça-feira, irritaram algumas jogadoras. Nesta quarta, a volante Djenifer Becker postou mensagem em seu Instagram criticando os veículos de comunicação que relacionaram a eliminação da sua equipe nas quartas de final do Mundial Sub-20 com o jogo da Copa do Mundo em que o Brasil, de Felipão, apanhou de 7 a 1 nas semifinais para a mesma Alemanha.

No início da mensagem, Djenifer justificou a derrota da seleção e repudiou os torcedores que apenas olharam o placar do jogo. "Infelizmente, deixamos a competição tão sonhada por todos. Tivemos jogos duros e sabemos que jogamos contra as maiores potências do futebol feminino da atualidade. Perdemos de 5 a 1 para a Alemanha. E é tão fácil agora falar da humilhação de novo com a seleção feminina, mas creio que quem fala isso literalmente não assistiu o jogo e só olhou o placar."

Irritada, a jogadora pediu para os veículos de informação compararem também outros fatores, além do que acontece dentro dos gramados, e acusou os jornalistas de se aproveitarem da derrota da seleção feminina para relembrar um tropeço do Brasil no Mundial da Fifa. "É fácil agora comparar a nossa derrota com a derrota da seleção masculina, mas me diz, por que não compara o salário, por que não compara as estruturas, o investimento, o nível de profissionalismo, por quê? Sites que nunca falaram que teria o campeonato feminino, ou deram os horário dos jogos, agora querem criticar? Com que moral? Polêmica da mais audiência. Pelo amor de Deus, vamos acordar!!!! Para finalizar, parabenizo todos que aqui estiveram e sabem o quanto lutamos!!!."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.