Volante francês espera jogo difícil contra a Nigéria em Brasília

Cabayet ressalta bom trabalho de africanos diante da Argentina

Agência Estado

28 de junho de 2014 | 10h19

O volante Yohan Cabaye não acredita que a França terá um confronto fácil contra a Nigéria, em jogo pelas oitavas de final da Copa do Mundo marcado para esta segunda-feira, em Brasília. O jogador do Paris Saint-Germain tem como referência a partida entre a seleção africana e a Argentina, pela terceira rodada do Grupo F, em que os sul-americanos sofreram para vencer por 3 a 2 na última quarta-feira. 

"É uma equipe que deu problemas para a Argentina", lembrou o meio-campista, em entrevista ao site oficial da Federação Francesa de Futebol (FFF) neste sábado. "Eles trabalham muito, pressionam muito e têm uma energia enorme. Precisamos fazer uma grande partida", analisou Cabaye, que está concentrado com a delegação de seu país em Ribeirão Preto.

O atleta de 28 anos não se ilude com a boa campanha da França no torneio até aqui. "Começou outra competição, agora é ganhar ou perder", disse o volante. Na primeira fase, a França bateu Honduras por 3 a 0 e Suíça por 5 a 2, encerrando participação no Grupo E com um empate por 0 a 0 com o Equador, na última quarta-feira, conquistando o primeiro lugar da chave.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.