Volante Valencia admite desgaste, mas pretende jogar pelo Fluminense

Jogador nem pensa em ser poupado diante do América-RN no Maracanã, no duelo de volta da Copa do Brasil, nesta quarta-feira

Estadão Conteúdo

11 de agosto de 2014 | 21h05

Diante do desgaste pela sequência de jogos e com uma boa vantagem diante do América-RN, o Fluminense pode poupar algumas peças no jogo de volta da Copa do Brasil contra o time potiguar nesta quarta-feira, no Maracanã. O volante Valencia é um dos que admitem o cansaço, mas nem assim quer perder sua vaga e, por isso, se diz à disposição para entrar em campo.

"O Cristóvão (Borges) vem fazendo um bom trabalho e estamos correspondendo em campo. Ainda não sabemos quem vai jogar na quarta, mas eu quero jogar. Se tivermos o apoio da torcida, que vem nos motivando muito nos últimos jogos, conseguiremos fazer um jogo ainda melhor", afirmou.

O Fluminense venceu o América-RN por 3 a 0 na ida, mesmo em Natal, mas no último sábado tropeçou diante do Coritiba pelo Brasileirão, ao empatar em casa por 1 a 1. Para Valencia, o resultado foi apenas um acidente de percurso e a tendência é o time carioca seguir evoluindo sob a liderança do técnico Cristóvão Borges, a quem ele não poupou elogios.

"O trabalho vem sendo feito no dia-a-dia, o Cristóvão passa para a gente e estamos assimilando bem. Estamos fazendo gols, sofrendo poucos e acertando muitos passes. Ainda temos muita coisa para melhorar e estamos evoluindo, trabalhando muito para isso", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.