Rubens Chiri/saopaulofc.net
Rubens Chiri/saopaulofc.net

Volpi lamenta empate no Morumbi, mas reconhece boa atuação do Grêmio

Goleiro afirma que time não tem reclamação da arbitragem e que não achou que foi pênalti em lance do Grêmio

Redação, Estadão Conteúdo

17 de outubro de 2020 | 23h57

O goleiro Tiago Volpi deixou o gramado do Morumbi insatisfeito com o empate sem gols entre São Paulo e Grêmio, neste sábado, pela 17ª rodada do Brasileirão. Mas reconheceu que sua equipe enfrentou um rival de respeito, que esteve perto da vitória na capital paulista.

"Não saímos satisfeitos com o resultado, mas sabemos que o Grêmio é forte. É sempre difícil jogar contra eles. De certa forma catimbam bastante, um cai aqui, outro lá, trava o jogo, e depois não compensa o tempo. Mas não é desculpa, não deixa de ser uma qualidade deles", comentou o goleiro.

O resultado manteve o São Paulo na briga pelas primeiras posições, mas agora mais distante dos líderes. "A gente sempre trabalha em prol de um jogo completo. Ficamos felizes por não tomar gol, mas eu preferia trocar os números e ter ganhando por 2 a 1", disse o goleiro, que teve pouco trabalho neste sábado.

O jogo foi marcado por dois lances polêmicos, de possível pênalti em favor do Grêmio, um em cada tempo. Na avaliação de Volpi, a arbitragem da partida foi correta. "Sobre arbitragem, eles reclamam de um pênalti que a meu ver não foi, a gente não tem nenhuma queixa sobre arbitragem", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.