Volta contra o Coritiba causa temor

Os jogadores do Palmeiras temem o comportamento do time, nesta quinta-feira, contra o Coritiba, no Parque Antártica. "Nós estávamos embalados. Os dez dias em que o Campeonato Brasileiro foi interrompido só nos atrapalharam. Treinamos muito, é verdade, mas não há nada como sentir que a equipe está se recuperando, começando a ganhar confiança na competição e ter de parar. Eu não gostei do que aconteceu. Nem um pouco", afirma o volante Marcinho Guerreiro. O meia Pedrinho concorda: "Foi uma pena mesmo. O Palmeiras acabou sendo prejudicado. Nós perdemos para o Brasiliense o nosso último jogo, mas estávamos acumulando dez partidas sem derrotas. Nossa recuperação no Brasileiro era maravilhosa. Não dá para não ficar preocupado". As contusões também deverão atrapalhar o time comandado pelo técnico Émerson Leão. Warley, com dores na coxa direita, está fora da partida contra os paranaenses. O atacante argentino Gioino treinou nesta segunda, apesar das dores musculares. Se jogar, com certeza não estará em sua melhor condição física. Gamarra voltou do Paraguai e vai jogar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.