Volta e Americano reeditam a final

Três dias depois de decidirem a Taça Guanabara, Volta Redonda e Americano voltam a se enfrentar nesta quarta-feira, pela primeira rodada da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca, num jogo que vem mobilizando a cidade de Volta Redonda. Quase todos os 22 mil ingressos colocados à venda já haviam sido negociados até a noite de terça e a expectativa da diretoria do clube mandante é a de que o Estádio da Cidadania esteja lotado."A festa continua. O povo de Volta Redonda está em êxtase pelo título de domingo e vamos arrancar para a conquista também da Taça Rio", disse o técnico Dário Lourenço, que abriu mão de um treino mais puxado nos dois dias da semana que antecederam à partida. "Não há necessidade de eu realizar um coletivo e acabar provocando um cansaço desnecessário na equipe. Conheço bem meu time e agora sei como joga o Americano, só temos que acertar pequenas falhas." No Americano, o técnico Rubens Filho teme apenas pelo estado psicológico do grupo, abatido com duas derrotas seguidas. Na semana passada, o time perdeu para o Ipatinga pela Copa do Brasil e, no domingo, viu escapar a oportunidade de conquistar a Taça Guanabara pela segunda vez - ganhara antes em 2002. Ele deu ênfase à conversa com seus jogadores, a fim de que esquecessem os fracassos e se concentrassem na disputa da Taça Rio.Rubens Filho lamentou, porém, a coincidência de enfrentar o Volta Redonda no ínicio do returno, depois da decisão de domingo, logo na casa do adversário.

Agencia Estado,

23 de fevereiro de 2005 | 09h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.