Wallace celebra chegada e crava: 'Grêmio tem grandes chances de ser campeão'

O zagueiro Wallace foi apresentado nesta terça-feira como novo reforço do Grêmio para o restante do Campeonato Brasileiro. O jogador de 28 anos assinou contrato por três temporadas e não escondeu a felicidade por chegar ao clube, que considera ser um dos favoritos para o título do Campeonato Brasileiro.

Estadão Conteúdo

31 de maio de 2016 | 18h45

"Tive a possibilidade de vir para o Grêmio em duas oportunidades e não poderia deixar passar dessa vez. O Grêmio tem grandes chances de ser campeão brasileiro e quero ajudar nisso. Eu tenho 10 títulos na carreira. Por onde passei, fui bem-sucedido e aqui no Grêmio não será diferente", garantiu.

Wallace foi revelado pelo Vitória, onde se tornou um dos líderes do elenco, antes de ser negociado com o Corinthians. No time paulista, foi campeão brasileiro, da Libertadores e do Mundial de Clubes. Em 2013, chegou ao Flamengo, foi titular durante boa parte de sua passagem, mas sempre sofreu com as críticas da torcida.

O início da temporada de 2016, aliás, foi dos piores para Wallace. Em meio a uma série de atuações abaixo do esperado, passou a ser constantemente vaiado e xingado pela torcida. Por isso, o clima ficou insustentável no clube, ele acabou afastado e, posteriormente, negociado com o Grêmio.

"Queria agradecer o (vice-presidente de futebol, Alberto) Guerra e o presidente Romildo (Bolzan Junior) pelo interesse e confiança na minha contratação. Eu não sei nem demonstrar minha alegria por ser um pouco retraído, mas meu agradecimento será feito dentro de campo", explicou.

Ao menos na teoria, no entanto, Wallace deve ter dificuldade para ganhar uma posição na zaga do Grêmio. A equipe possui a melhor defesa do Brasileirão e ainda não foi vazada nas primeiras quatro rodadas, fruto do bom trabalho de nomes como Fred, Bressan e, principalmente, Pedro Geromel.

"Durante as últimas temporadas no Flamengo, joguei nos dois lados da defesa, então não há preocupação nenhuma quanto a isso. Estou à disposição para jogar, mas quem define sobre a minha utilização é o técnico Roger. Os zagueiros que têm atuado têm feito um belo trabalho. Estou tranquilo e vou trabalhar para ficar à disposição", disse Wallace.

Tudo o que sabemos sobre:
GrêmioCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.