Geraldo Bubniak
Geraldo Bubniak

Walter nega que pediu para trocar Atlético-PR pelo Goiás: 'Fui pego de surpresa'

De acordo com o jogador, sua saída foi opção dos dirigentes

Estadão Conteúdo

23 Agosto 2016 | 17h15

O atacante Walter explicou nesta terça-feira sua transferência do Atlético-PR para o Goiás. O jogador agradeceu aos torcedores paranaenses pelo apoio e informou, por meio de sua página em redes sociais, que a saída do clube foi por opção dos dirigentes.

"Gostaria de esclarecer aos torcedores e aos admiradores do meu trabalho, que eu não pedi pra sair do Atlético Paranaense. Fui pego até de surpresa sobre essa negociação. Saí por acordo feito internamente entre o Atlético e o Goiás. A diretoria entendeu que o melhor para o clube era a minha transferência. Como profissional, respeito as decisões do clube e hoje começo uma nova etapa no Esporte Clube Goiás, no qual já tive uma linda história e hoje mais uma vez me abriu as portas", informou o jogador.

Walter chegou em Goiânia na segunda-feira e foi recebido por cerca de 200 torcedores no desembarque. Na sequência realizou exames médicos no clube e assinou contrato de empréstimo por um ano. Será a segunda passagem do atacante no clube esmeraldino, que ele já defendeu entre 2012 e 2013.

Como vinha atuando pelo Atlético-PR e está em forma, a expectativa é a de que Walter seja regularizado ainda nesta semana e faça sua reestreia pelo Goiás no dia 30, em duelo contra o Criciúma, no Serra Dourada, pela 22ª rodada da Série B do Brasileiro.

"Desejo ao Atlético-PR, aos funcionários e a todos os meus colegas uma trajetória de muitas vitórias! Obrigado por tudo e com certeza essa minha passagem pelo Atlético Paranaense ficará guardada com muito carinho no meu coração", finalizou.

Mais conteúdo sobre:
Walter Goiás Atlético Paranaense Goiânia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.