Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Walter sofre rompimento do tendão e desfalca o Corinthians por quatro meses

Goleiro se machucou durante a partida contra o Atlético-PR

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

10 Novembro 2017 | 17h09

O Corinthians divulgou nesta sexta-feira o resultado do exame do goleiro Walter e, como imaginado, a contusão é grave. Ele sofreu um rompimento do tendão adutor da coxa direita e, segundo o médico do clube Ivan Grava, a previsão é que ele retorne aos gramados entre três e quatro meses.

+ CBF veta e Cássio tem retorno antecipado ao Corinthians negado

“O Walter sofreu um arrancamento (rompimento) do tendão adutor e vai passar por cirurgia na próxima terça-feira”, disse o médico, em entrevista coletiva concedida no CT Joaquim Grava. A cirurgia não pode ser realizada antes, por causa do edema no local. O goleiro sofreu a contusão durante o jogo com o Atlético-PR, quarta-feira passada.

Com a decisão, o goleiro vai tratar durante as férias e passará por um trabalho especial para conseguir se recuperar e estar apto o quanto antes. A tendência é que ele tenha condições de jogar entre fevereiro ou março, durante o Campeonato Paulista.

Com a lesão, o futuro do goleiro também passa a ser uma incógnita. Ele está nos planos do São Paulo para a próxima temporada, mas a lesão pode fazer com que o negócio não vá adiante.

Sem Walter, o técnico Fábio Carille vai escalar o jovem Caíque França, de 22 anos, para as partidas contra o Avaí e Fluminense. O clube esperava pela liberação de Cássio da seleção brasileira, mas a CBF decidiu não liberá-lo, pois teria que antecipar o retorno também de Diego, do Flamengo, e Diego Souza, do Sport. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.