Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Walter volta ao Corinthians contra Cruzeiro, adversário que 'garantiu' sua renovação

Goleiro substitui Cássio na partida deste sábado, às 19h, pela 27ª rodada do Brasileirão

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de outubro de 2019 | 15h53

Com Cássio suspenso, Walter ganhará nova oportunidade no gol do Corinthians na partida de sábado, às 19h, contra o Cruzeiro, na arena em Itaquera, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Curiosamente, foi no empate sem gols contra o time mineiro no primeiro turno que garantiu a renovação de contrato do reserva da meta alvinegra. 

"Mudança na minha vida no Corinthians foi naquele jogo contra o Cruzeiro. Estava para sair. Teve esse jogo e depois contra o Santos aconteceu a reviravolta. Bom que as coisas caminharam bem, assinei pré-contrato até o fim de 2021. Estou aqui para suprir a necessidade do Cássio", disse em entrevista nesta sexta-feira.

Walter chegou a comunicar oficialmente no início do ano que deixaria o clube ao término da temporada. A intenção era procurar um novo time onde tivesse mais oportunidades em campo. Mas as convocações de Cássio para a seleção brasileira e as boas atuações de Walter quando requisitado na atual temporada foram responsáveis pela mudança de planejamento.

Agora no segundo turno, Walter comentou que a situação é diferente. O Corinthians entra em campo pressionado por estar há quatro jogos sem vencer e enfrentará uma equipe na zona de rebaixamento. "Até o ano passado a gente estava brigando um pouco lá em baixo e foi bem difícil. Apertava bastante. O psicológico vai lá para baixo. Qualquer lance pode mexer com o psicológico", disse.

"Jogo difícil, tem grandes jogadores lá, grandes campeões, mesmo eles estando na parte de baixo da tabela, quem errar menos vai ganhar. Joguei há um turno, empatamos 0 a 0, foi uma grande pressão. Acho que vão ter que arriscar pelos pontos que precisam, vamos botar nosso futebol em prática para fazer os pontos em casa", prosseguiu.

Além de Cássio, o técnico Fábio Carille não contará com a dupla de zaga Gil e Manoel. O primeiro está suspenso e o outro pertence ao Cruzeiro. Walter comentou os desfalques. "O trabalho é o mesmo para todos, claro que tem a confiança de estar jogando mais que fica mais elevada. Eu estou de fora, Marllon também, Bruno Méndez entrou no último jogo. O grupo confia na gente, vamos suprir bem a necessidade para manter os números".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.